4 Etapas Para Planejar a sua Viagem dos Sonhos para a Europa

Neste post eu vou compartilhar com você as 4 etapas que eu utilizo para planejar as minhas viagens e, que podem te ajudar a planejar a sua viagem dos sonhos.

Seguindo essas etapas, além de você poder conhecer os principais pontos turísticos, você também terá tempo para explorar o lugar, se perder pelas cidadezinhas encantadoras do interior e conhecer um pouquinho da cultura dos países que você escolher. Se você quer saber mais dicas para planejar a sua viagem tranquilamente, clique aqui.

Etapa 1: pesquise e pense na logística da viagem

Pesquise alguns lugares que você gostaria de ir, visualize eles no mapa e cheque a distância entre eles. Você não quer perder tempo tendo que ir e voltar grandes distâncias. Se forem próximos, você poderá se deslocar de carro ou de trem e, se forem muito longe, você provavelmente terá que se descolar de avião. Vale lembrar que na Europa tem muitos voos low cost baratos, mas a franquia de bagagem em geral é bem pequena e isso significa que você vai precisar esquecer aquelas 2 malas de 32 quilos permitidas para os voos internacionais saindo do Brasil!

Etapa 2: decida quando e onde você quer ir

  • Prefira a primavera e o outono. Na minha opinião a época mais bonita pra viajar pela Europa é a primavera, quando os campos estão floridos, as pessoas começam a voltar para as ruas e tem festivais de música por toda a parte. O Outono também é legal, com o colorido das árvores. No começo do outono você ainda pega os dias longos e o final do calorzinho do verão. Durante o inverno os dias são curtos (escurecem cedo) e as cidades menores ficam desertas. A melhor alternativa é mesmo ir para a montanha, esquiar e aproveitar a neve! Durante o verão, os dias são longos e é bom para curtir as praias. Porém, a Europa inteira está em férias escolares, então se prepare para pegar filas nas atrações turísticas e pagar 2 ou 3 vezes o preço nas tarifas dos hotéis.
  • Escolha 1 país por semana. Comece pensando no país ou países que você gostaria de conhecer. Como você está planejando a viagem dos seus sonhos, isso não é uma gincana pra ver quantos países consegue passar em 15 dias! Eu sugiro que você escolha apenas 1 país e aproveite para conhecer bem a região. Mas, como eu sei que é difícil de resistir à tentação de aproveitar a viagem para conhecer mais de um país, eu uso sempre a razão de 1 semana por pais. Pense que cada dia de check-in/check-out de hotel e de deslocamento é tempo perdido, pois envolve arrumar mala, carregar a mala (que não tem esse nome à toa!) e chegar com antecedência para pegar um voo ou um trem. Por exemplo, se você vai passar 2 semanas, escolha dois países e, no máximo 3, se forem próximos.
  • Alterne grandes cidades com cidadezinhas menores. Apesar dos cartões postais estarem nas capitais, o encanto da Europa está nas cidadezinhas. Aproveite para se perder nas estradinhas vicinais que te levam a campos floridos, castelos, moinhos, lagos e praias lindas. Além disso, enquanto você estiver na cidade grande você vai andar muito a pé e utilizar os meios de transportes públicos. O que significa que depois de 4 ou 5 dias andando pra cima e pra baixo, você vai precisar mesmo de um descanso. Vou te dar um exemplo: se você vai incluir Paris no seu roteiro, pense em incluir também um passeio pelo Vale do Loire ou pela Região de Champagne. Se você vai a Roma, considere passar uns dias na Toscana. Se você vai a Bruxelas, Bruges é uma ótima pedida. Se você vai a Barcelona, a Costa Brava é imperdível!

Etapa 3: compre o bilhete aéreo de ida e volta

  • Compre um bilhete que vai para um destino e volta de outro. Se você não resistiu e optou por mais de um país, que tal otimizar o seu voo e comprar um bilhete que vai para um país e voltar de outro? Por exemplo, você decidiu conhecer a França e a Suíça. Dê uma olhada nos voos indo para Paris e voltando de Genebra. Isso vai evitar a viagem de volta de Genebra para Paris.
  • Aproveite as conexões. Se você é do tipo que gosta de explorar todas as alternativas, uma opção é aproveitar as conexões. Agora, se você é do tipo indeciso, nem pense nisso, pois são tantas as alternativas que isso só vai te deixar mais confuso (vá para a etapa 4). Algumas companhias aéreas não cobram a mais se você parar alguns dias na sua conexão. Por exemplo: se você conseguiu uma viagem mais barata pra Paris pela Ibéria via Barcelona por exemplo, talvez valha a pena considerar incluir Barcelona no seu destino e ficar alguns dias lá.

Etapa 4: Decida a hospedagem e os deslocamentos intermediários

  • Fique no mínimo 3 dias no mesmo hotel. Se você quer conhecer uma região, escolha um ponto central como base. Mudar de hotel, além de ser um saco, é perda de tempo e amarra o seu roteiro. Planeje pelo menos 3 dias no mesmo hotel e use o carro, trem ou ônibus para ir e vir. Isso te dará a chance de mudar de ideia e incluir outro lugar no meio do caminho, ou de voltar aquele lugar que você se apaixonou! Por exemplo: se você quiser conhecer a Côte D’azur, você pode ficar em Nice ou em Villefranche-sur-Mer e ir a Saint-Jean-Cap-Ferrat e Mônaco de ônibus (que é o melhor meio de se locomover lá). Se você quer se sentir em casa, há muitos hotéis que são como se fossem apartamentos e tem cozinha totalmente equipada pra você fazer um jantarzinho a dois.
  • Evite os carros enquanto estiver nas capitais. Além de economizar com o aluguel do carro, você também evitará transito e problemas para estacionar. Em geral as locadoras de carro cobram uma taxa para pegar o carro em um país e devolver em outro. Eu sempre vejo se vale a pena fazer isso ou se é melhor pegar e devolver no mesmo país e viajar para o próximo lugar de trem ou de avião.
  • Prefira os carros quando for explorar as cidades menores. Nada melhor do que aproveitar para pegar um carro e explorar o interior. Você terá o prazer de dirigir em outro país, apreciando a paisagem durante a viagem e descansando os seus pezinhos inchados (de andar na cidade grande)! Por exemplo se estiver indo passar uns dias em Lisboa e de lá for para Albufeira, pegue o carro na estação de trem quando estiver saindo de Lisboa, vá para Albufeira de carro para poder explorar a região e se perder nas estradinhas vicinais e praias maravilhosas e, devolva o carro no aeroporto de Lisboa, por exemplo.

Agora que você já tem o passo a passo para planejar a sua viagem, é hora de arregaçar as mangas e transformar o seu sonho em realidade. Inspire fundo e mãos à obra! Espero que esse passo a passo seja útil pra você planejar a sua viajem dos sonhos assim como ele é pra mim e para o meu marido.

Se você gostou deste post, deixe o seu comentário e compartilhe! Se você pretende viajar com os seus filhos pequenos, leia também o post Viajando pela Europa com crianças.

Boa viagem e até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s